Agência Minas Gerais | Governo oferece capacitação agrícola no Norte de Minas  

Aprendizado e perspectivas de futuro envolveram a comunidade de Riachinho, Norte de Minas, durante capacitações em fruticultura e apicultura promovidas pelo Governo de Minas na comunidade.

Realizada pela Fundação Educacional Caio Martins (Fucam), em conjunto com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), a Empresa Mineira de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) e a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), a iniciativa visa fortalecer o conhecimento e fomentar o desenvolvimento agrícola na região.

A capacitação em fruticultura foi marcada por ambiente de troca de experiências e aprimoramento técnico. 

Rafaela Rezende da Silva, do primeiro ano do Ensino Médio da Escola Estadual Núcleo Vale do Urucuia, detalhou o aprendizado. 

“Foi a primeira vez que tive contato com a fruticultura de forma mais técnica e achei espetacular. Muito interessante a parte em que eles explicaram sobre a polinização. É um curso super necessário e foi muito agradável”, conta. 

Maria do Rosário Bueno Palma, beneficiária da capacitação, destacou a importância da parte prática. “Para mim, foi muito importante. O curso vai acrescentar muito no meu cultivo caseiro, e o conhecimento é sempre bem-vindo”, afirmou.

Técnicas

Um dos tópicos mais importantes da capacitação em fruticultura é a utilização das técnicas corretas para a condução eficaz da atividade. 

É o que explica José Felicíssimo, extensionista agropecuário da Emater de Riachinho. 

“Ficamos satisfeitos pela mobilização e participação dos alunos e produtores, porque é muito importante que eles aprendam a técnica correta de plantio, de manejo de pomar, de hortaliças, de todas as culturas frutíferas. É fundamental o produtor já ter absorvido um pouco de cada etapa para conduzir o seu pomar na lavoura aqui da Fundação Caio Martins”, diz. 

A importância nutritiva das frutas também é ponto de destaque na capacitação, como explica o coordenador técnico regional da Emater de Unaí, Álvaro de Moura Goulart.

“O tema é muito importante justamente porque a fruta é um alimento saudável, que entra na nossa alimentação como fonte de minerais e fibras, além de ser alternativa interessante de renda para esses produtores”, destaca.

Apicultura

A capacitação em apicultura é fundamental para a comunidade e para a agricultura familiar, além de ser extremamente benéfica para o meio-ambiente. É o que afirma o assessor técnico da Seapa, Samuel de Melo Goulart, sobre a capacitação.

“A atividade de apicultura é complementar às outras já desenvolvidas na propriedade. Além disso, é  atividade essencialmente ambiental, preservadora do meio ambiente. Todo o projeto de preservação ambiental deve começar pela apicultura, pois sem as abelhas não há sentido em falar em preservação ambiental”. 

A capacitação despertou o interesse e entusiasmo dos alunos e da comunidade atendida pelo Centro Educacional de Riachinho. 

Márcio Almeida de Sá, beneficiário do projeto de apicultura da Fucam, ressaltou a importância do aprendizado contínuo. 

“A cada dia que passa eu estou aprendendo novas técnicas”, diz. Maxuel Muniz Pio, estudante do 3º ano do ensino médio da Escola Estadual Núcleo Vale do Urucuia. 

Ele comentou o aumento do interesse pelas abelhas após a capacitação. “Tenho interesse na apicultura, inclusive comecei a criar abelhas. Aprendi coisas que eu não sabia, como sobre o funcionamento dos equipamentos”, conta. 

Neiri Jean Alves dos Santos, coordenador do Centro Educacional do município, explica sobre o projeto contínuo da Fundação com a apicultura. “Hoje, no Centro Educacional de Riachinho, temos um projeto de apicultura que beneficia diretamente 12 famílias. Elas obtêm equipamentos e materiais apícolas para montar o apiário na área da fundação. Todos os produtos desse apiário são revertidos em renda para os beneficiários”, explica.

Inovação no campo

A parceria entre Fucam, Seapa, Emater e Epamig tem sido extremamente benéfica para as comunidades atendidas nos últimos anos. 

João Denilson de Oliveira, superintendente de Desenvolvimento Agropecuário da Seapa, reafirma o compromisso das entidades envolvidas em trazer inovações e conhecimento às famílias do campo. 

“Nesse trabalho conjunto, buscamos viabilizar a execução de capacitações para jovens rurais em atividades agropecuárias, para o conhecimento de tecnologias e inovações no setor de agronegócio e da agricultura familiar, para que possamos, no futuro, ter uma sucessão rural mais viável no ponto de vista econômico e mais viável no ponto de vista social para o nosso estado”, diz. 

As iniciativas reafirmam o compromisso da Fucam com o desenvolvimento rural sustentável e a promoção do crescimento econômico e social das comunidades atendidas. 

Com a parceria entre instituições públicas e privadas, Riachinho abre caminho para um futuro próspero e promissor no setor agrícola, oferecendo oportunidades de aprendizado e crescimento para os jovens agricultores da região.