Agência Minas Gerais | Dia D de vacinação alcança adesão histórica de cidades mineiras e reforça importância da prevenção  

Para ampliar o acesso à vacina e garantir a proteção da população, mais de 600 municípios mineiros promoveram, no sábado (13/4), o Dia D de vacinação. As ações contaram com o envolvimento importante e que amplia a oferta do imunizante para além dos postos de saúde: cerca de 2 mil escolas realizaram ações de mobilização e estratégias de imunização. 

No bairro Pinheiro, município de Alfenas, um dos locais de vacinação foi a escola Cemei Professor Leco. Aproveitando a oportunidade, a professora Kenia Alves levou o filho Lucas, de 3 anos, para vacinar.  O menino recebeu a vacina da gripe gratuitamente.  

“A gente teve a oportunidade de receber a vacina aqui na escola. E isso é de grande valia. Quero enfatizar aqui toda a colaboração que a gente tem dos profissionais da saúde, porque eles se disponibilizaram para vir aqui hoje. Muitas mães e pais que não têm condições de ir aos postos pela falta de tempo, pelos seus trabalhos, tiveram hoje a oportunidade de vacinar as crianças”, disse Kenia.

A diretora da escola e creche, Raquel Dias, acredita que a parceria entre a educação e a saúde é muito importante. “Todo ano, nessa época, as crianças ficam resfriadas, gripadas. A vacina ajuda a evitar e a enfraquecer a doença. Assim, a gente pode ter as crianças sempre saudáveis aqui na escola”, avaliou.

Repercussão

Secretária adjunta da Secretária de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), Poliana Cardoso Lopes, comemorou o envolvimento de diversos setores da sociedade que trabalharam de forma alinhada, realizando ações de vacinação em locais de grande circulação de pessoas e no ambiente escolar. 

“Mais de 600 municípios mineiros estão fazendo ações para atualizar os cartões de vacinação da população. As nossas Unidades Regionais se mobilizaram para levar as vacinas para mais perto de onde a população está e assim conseguirmos ampliar a cobertura vacinal. Neste período, em especial, estamos reforçando a prevenção contra a gripe”, reforçou Poliana Cardoso.

A supervisão do Dia D foi realizada pela SES – MG por meio das 28 unidades regionais. 

Asma 

Em BH, os 152 centros de saúde da cidade e o Centro de Atenção à Saúde do Viajante permaneceram abertos durante o sábado (13/4), para a aplicação da vacina contra a gripe.  

Como parte das ações previstas, as equipes de saúde realizaram também busca ativa de crianças com asma. 

Com isso, durante o dia Dia D, esse público pode, além de receber a vacina contra a gripe, realizar o acompanhamento da situação clínica.

“A gente precisa aumentar rápido a cobertura vacinal, para evitar complicações e, até mesmo, óbitos. O que desejamos com uma ação como essa é chamar a atenção, sensibilizar os pais, sensibilizar os idosos para a vacinação”, afirmou o secretário municipal de saúde de Belo Horizonte, Danilo Borges Matias. 

Ele completa dizendo que as equipes estão visitando aquelas crianças que tiveram passagem pelos serviços de urgência recentemente, para que eles possam não somente vir procurar a vacina, mas também agendar consulta nos centros”, refoça Matias.

Parque Municipal   

No Parque Municipal Américo Renné Giannetti, no Centro da capital, foi montado um ponto de vacinação. E o grupo Movimento BH Mais Feliz realizou oficinas de malabares e de pintura facial. 

O Zé Gotinha e as mascotes da Guarda Municipal e dos principais times mineiros também estiveram no local para auxiliar nas ações de sensibilização. 

Para os adultos e idosos, a Secretaria Municipal de Saúde oferece, ainda, aulas de Lian Gong, que é uma prática chinesa desenvolvida para prevenir e tratar dores no corpo. 

A mobilização contou também com um evento do Sesc em Minas, que promoveu ações gratuitas em comemoração ao Dia Mundial da Saúde. 

A programação incluiu aferição de pressão arterial, quick massage, educação em saúde, lanche saudável, ginástica coletiva, atividades de recreação como cama elástica, intervenções circenses e avaliações físicas. 

No palco principal, ocorreram palestras do especialista em qualidade de vida Márcio Atalla e da nutricionista Laura Gontijo sobre saúde, longevidade e hábitos saudáveis. Além de apresentações artísticas com o bloco carnavalesco Asa de Banana, Circo do Sufoco e do cantor Well Figuerê.

Divinópolis 

Ao todo, 26 cidades da Superintendência Regional de Saúde (SRS) de Divinópolis aderiram à mobilização Vacina Mais Minas. 

Equipes das secretarias municipais de Saúde estiveram presentes em mais de 37 escolas para oferecer vacinas previstas no Calendário Nacional de Vacinação, assim como as de campanhas específicas, com imunizantes contra a covid-19 e a influenza (gripe).

Suelen Santos, referência técnica da Imunização da Superintendência Regional de Saúde de Divinópolis, explica que a vacinação nas escolas é uma forma de oportunizar a atualização dos cartões de vacinação. 

“É uma oportunidade de atualizar o cartão de vacina da população, aumentar a cobertura vacinal e, consequentemente, prevenir doenças”, destacou a referência de imunização da SRS Divinópolis.

Conheça mais ações realizadas na regional de Divinópolis neste link https://www.saude.mg.gov.br/component/gmg/story/19747-vacinacao-nas-escolas-vacina-mais-minas-mobiliza-26-cidades-da-macrorregiao-de-saude-oeste

Triângulo Norte

Ao todo, cerca de 200 escolas no Triângulo Norte estão recebendo, neste mês de abril, a visita das equipes de saúde, seja para conferir a situação vacinal, quanto para a aplicação das vacinas e ações educativas, com professores, alunos e responsáveis.

A referência técnica da SRS Uberlândia do Programa Saúde na Escola, José Domingos Prado, reforça a importância do envolvimento da comunidade escolar.

“Os pais e responsáveis devem ficar atentos ao recado da escola. Nas escolas que haverá aplicação de vacina, é importante enviar o cartão e preencher o termo de autorização ou levar a criança até uma Unidade de Saúde para completar o esquema vacinal, conforme o Programa Nacional de Imunizações (PNI), além de aproveitar a oportunidade do Dia D, no sábado”, disse a referência técnica.

Conheça mais ações realizadas na região do Triângulo Norte neste link.  

 

Reforço

Além das diversas atividades de mobilização, SES-MG disponibiliza  material de comunicação para ser utilizado e reforçar as ações nos territórios. 

São peças que podem ser editadas conforme informações das escolas e dos municípios. Nas escolas, o material pode ser trabalhado para incentivar os pais e responsáveis a vacinarem as crianças e adolescentes. 

O material está disponível em www.saude.mg.gov.br/vacinamaisminas